Vai adotar um cachorro? Confira 5 dicas para receber bem o novo integrante da família!

Adotar é um ato de amor e carinho, no entanto, antes de tomar essa importante decisão, alguns cuidados especiais devem ser levados em consideração. Se você está pensando em adotar um cachorro, confira 5 dicas para que tudo ocorra bem durante a recepção e adaptação do novo integrante da família. 

Leia também: Já são mais de 52 milhões de cachorros e cerca de 22 milhões de gatos no Brasil.

1- Muito amor e carinho 

Fonte: Google

O primeiro passo para que o novo integrante se sinta confortável é a demonstração de afeto. O ideal é que assim que adotar um cachorro, levar o pet ao veterinário para ter a certeza de que tudo está bem, colocar as vacinas em dia e até mesmo verificar as possibilidades para fazer a castração, caso ele ainda não for castrado, é claro! 

Esses são cuidados básicos, mas que são essenciais para a qualidade de vida de seu pet, além de demonstrar o quanto que você se importa com o bem-estar dele (a). O amor e carinho são reflexos da adoção responsável, garantindo a segurança ao adotar um cachorro.    

2 - Caminha para ele repousar

Fonte: Google

Antes de adotar um cachorro é fundamental garantir um lugarzinho especial, onde ele poderá descansar e se sentir mais seguro durante este processo. Conforme o tamanho do pet, providencie uma caminha que seja indicado para o porte dele (a).

O conforto da caminha garantirá boas horas de sono, assim como as pessoas precisam dormir regularmente, os pets devem descansar de nove a dez horas por dia, conforme a  necessidade e a idade do pet.


3 - Brinquedos interativos para se divertir ao adotar um cachorro

Fonte: Google

Independente da idade do pet, todos os animais adoram brincar, claro alguns com mais frequência e outros com menores esforços. Mas o importante é que você encontre um brinquedo que seja agradável para o seu pet e estimule a brincadeira, tirando pelo menos uma hora por dia para que ele possa se distrair brincando.       

4 -Petiscos

Fonte: Google

Os petiscos podem ser utilizados como uma forma de aprendizado, por exemplo, quando o pet fizer algo que você tenha solicitado, assim como buscar a bolinha você pode agradecer ele oferecendo uma recompensa. Com certeza, essa será uma forma divertida de educar o seu pet com alguns modos. 

5 - Pingente de identificação

Pingente FugaPet

A adoção é um momento muito importante para os animais, mesmo porque estamos nos referindo a uma vidinha que espera por uma família que possa retribuir o seu amor, oferecendo carinho em dobro, lar seguro e proteção. Para isso, é indispensável pensar e dar a real importância para a segurança do pet. 

Para evitar o desaparecimento do pet durante a adaptação ao novo lar e até mesmo depois, o pingente de identificação vai ajudar a garantir a segurança de encontrar o animalzinho com mais praticidade, caso por ventura, ele fuja.   

Entre as vantagens do pingente identificação, estão: 

  • A segurança do pet durante 24 horas por dia;
  • Leitura fácil através do celular;
  • Notifica quantas pessoas quiser;
  • Tecnologia Qr Code integrado ao aplicativo;
  • Sigilo das informações dos tutores;
  • A prova d'água;
  • Não tem mensalidade;

Garanta agora mesmo um pingente de identificação para o seu pet. Clique aqui e saiba mais! 


Dica extra de adaptação 

Já que você chegou até aqui, preparamos uma dica extra de adaptação para o seu pet! Principalmente para os tutores que tem outros animais, quando adotar um cachorro, não coloque ele no primeiro momento com os outros animais. O ideal é preparar um quartinho para ele com a caminha, potinhos de água e ração, além da caixa de areia para que ele possa fazer suas necessidades. 


Com tempo alguns objetos que você deixar com o novo integrante, apresente para os demais animais, assim eles vão se acostumar com o cheiro dele e naturalmente vão aceitar melhor o novo animalzinho. 


Gostou do nosso conteúdo? Para saber mais sobre as nossas soluções, fale agora mesmo com um de nossos consultores, clique aqui